Regras de boas maneiras para condutores

19:55


Como condutora que sou, há atitudes por parte dos outros condutores que me deixam completamente irritada. Não sei se vocês se identificam ou não com as atitudes que vou apontar, mas elaborei meticulosamente uma lista:
  • Quando estou parada no trânsito detesto que o carro de trás se aproxime demasiado do meu carro. Principalmente nas subidas, será que nunca ouviram falar em “deixar descair o carro?”;
  • Quando estaciono tenho o cuidado de estacionar em lugares largos para não correr o risco de me riscarem o carro com as portas dos outros carros. Por isso, odeio, mas odeio mesmo que estacionem o carro demasiado perto do meu. Já me aconteceu uma vez estacionarem atrás de mim mesmo a tocarem no meu carro;
  • Não há paciência para os carros que pensam que a faixa da esquerda é toda deles e não deixam ninguém meter-se à frente que fazem logo sinais de luzes e pisca para a esquerda;
  • Carros que travam sem ninguém à frente;
  • Carros que já estão na via rápida, por exemplo e, não facilitam a entrada de outros que vão entrar;
  • Condutores que fazem na estrada autênticos ziguezagues de ultrapassagem;
  • Pior que tudo são aqueles condutores que não respeitam o sinal de cedência de passagem e ainda se acham no direito de reclamar;
  • Condutores que não fazem piscas nas rotundas;
  • Pior que tudo é quando por acidente deixamos o nosso carro ir abaixo e passados três segundos já está o condutor de trás a bracejar e a apitar.


Têm alguma coisa a acrescentar?

You Might Also Like

21 comentários

  1. Irritam-me profundamente as pessoas que não sabem andar nas rotundas...que circulam sempre na faixa de fora quer saiam na 1ª ou na última saída!

    http://dreamcate.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Eu que ainda estou a tirar aulas de condução já me identifico com alguns destes pontos!! Enfim!

    ResponderEliminar
  3. Como te compreendo. Há pessoas que só deviam andar a pé.

    ResponderEliminar
  4. Eu só acrescento uma (que me lembre assim de repente): o uso extremo de buzinas no trânsito. Primeiro: a buzina só deve ser usada em caso de necessidade como, por exemplo, avisar um condutor que está a sair de um estacionamento em espinha que nós estamos a passar por ele porque nem sempre quem está a sair do estacionamento nos consegue ver - há aqueles que também nem tentam não é? Mas isso é outra conversa. Segundo: será possível que esta gente pense que ao buzinar a fila vai dissipar-se??? Para quê buzinar??? Já não basta a exasperação de estarmos parados e a atrasar-nos ainda temos de levar com 20 minutos de buzinadelas insistentes...

    ResponderEliminar
  5. Não conduzo, mas este tipo de coisas também me irritam. Há pessoas a quem apetece dizer para encostarem o carro e arrumarem a carta de condução --'

    ResponderEliminar
  6. Para mim, o pior é mesmo a falta de piscas nas rotundas! Irrita-me mesmo, porque às vezes não entro na rotunda por virem carros, e eles decidem sair da rotunda naquele momento -.-

    ResponderEliminar
  7. O pior, é os que conduzem bêbedos...

    http://amiudasempreaandar.blogspot.pt/ *

    ResponderEliminar
  8. Concordo contigo e irritam-me também quem para em cima das passadeiras ...

    ResponderEliminar
  9. Ainda só conduzo há um ano e já me identifico com isto tudo! E ainda acrescento: aquelas pessoas que se metem à estrada em cruzamentos/entroncamentos e que não fazem a mínima ideia à velocidade a que estamos e que nos fazem reduzir/travar. Acho que é mesmo a única coisa que me tira do sério. Não só porque já apanhei alguns sustos (alguns deles ainda nas aulas) como nunca seria capaz de o fazer às outras pessoas. Se me meto à estrada é porque sei que consigo e não vou atrapalhar os outros condutores.

    ResponderEliminar
  10. Há condutores que fazem na estrada autênticos ziguezagues de ultrapassagem, por causa dos "empatas" que se metem na faixa do meio e da esquerda, a 10 à hora.
    Eu tenho uma regra para estacionar nos centros comerciais e supermercados: procuro sempre um lugar junto aos pilares, porque assim reduzo em 50% o risco de me darem com as portas.
    Quanto aos piscas (nas rotundas e não só), acho que as marcas deviam começar a fazer modelos low cost, sem piscas, porque a maior parte dos condutores nem sabem que eles existem.
    Eu não buzino a ninguém. Buzimo tão pouco que às vezes preciso mesmo de buzinar e nem me lembro onde é a buzina... eheheh

    ResponderEliminar
  11. Há tantas pessoas por aí que parece que nem sequer tiraram a carta!
    Não tenho carta de condução, mas vejo muito disto quando ando no carro com alguém.

    ResponderEliminar
  12. Eu ainda não estou a ter aulas de condução, mas parecem ser coisas mesmo chatas...

    ResponderEliminar
  13. Eu felizmente ou infelizmente já me deixei de irritar na estrada principalmente com a falta de civismo de muitos condutores.
    Um abraço e uma boa semana.

    ResponderEliminar
  14. Ainda não tenho a carta mas sim quando essas situações acontecem e estou no carro é extremamente chato e irritante

    ResponderEliminar
  15. Identifico-me com tudo isso! BAHHH todos os diaaaas isso acontece!

    ResponderEliminar
  16. Não há regras nenhumas na estrada. Nada...

    ResponderEliminar
  17. Sim, eu vejo muito uma. O semáforo ficou verde há coisa de milésima de segundo (literalmente mesmo) e se o primeiro carro não arrancar LOGO... toma lá uma buzinadela.

    ResponderEliminar
  18. Ahah belas regras!

    C 141

    ResponderEliminar